Segunda-feira, 30 de Julho de 2007

As "primas" do mestre-de-obras, e... as Obras-Primas do Mestre...

 

... Ildefons Cerdà i Sunyer (Sant Martí de Centelles, 23 de Dezembro de 1815 - Caldas de Besaya, 21 de Agosto de 1876) foi um Engenheiro, Urbanista e Político Catalão responsável pelo Plano de extensão e reforma da cidade de Barcelona (Plan de Ensanche). Formou-se em Ingeniería de Caminos em Madrid no ano de 1841. Um dos fundadores do Urbanismo moderno.

Entre 1833-1835 seguiu os cursos de Desenho, Arquitectura e Matemática em Barcelona. Em 1835, muda-se para Madrid para estudar no Colegio de Ingenieros de Caminos, onde se forma em 1841. Entre 1841 e 1846, trabalhou em diversos projectos de construção de estradas. Em 1844 observa pela primeira vez o funcionamento de uma linha de caminho-de-ferro, facto que o deixa bastante impressionado. Passa a dedicar-se ao estudo das cidades, principalmente aquelas que serão servidas pelo sistema ferroviário.

Durante os anos 50, Cerdà começa seus estudos sobre a cidade de Barcelona e a sua ensanche (extensão). A cidade estava então limitada pelas muralhas antigas, que outrora a protegeram, mas começavam então a impedi-la de crescer. Em 1854, o governo decide oficialmente derrubar as muralhas, o que facilitaria na realização de um novo plano para a cidade.

O Plano Cerdà de extensão da cidade de Barcelona foi finalmente aprovado em Maio de 1860, após concurso realizado em 1859. Em 1859 Cerdà prepara a sua "Teoria da construção das cidades", uma versão revista e ampliada, a partir da teoria apresentada na memória de seu plano. Em 1860 recebe uma autorização para um estudo sobre o desenvolvimento e extensão da cidade de Madrid, (onde recentemente havia sido aprovado um outro plano de extensão, o Plan Castro). A sua "Teoria da viabilidade urbana" (resultado deste estudo) é publicada em 1861.

Em 1867 Cerdà publica o seu estudo mais notável - a "Teoria Geral da Urbanização" onde reformula e aperfeiçoa as suas teorias anteriores. Este estudo é considerado por alguns como o primeiro tratado moderno de Urbanismo.

Apesar de nunca ter usado o termo urbanismo, Cerdà usou o termo urbe para se referir de um modo geral às cidades e urbanização (urbanización) para designar a acção sobre a urbe. Destes termos muito próximos surgirá o nome Urbanismo no início do século XX.

Cerdà publicou extensos estudos sobre as cidades de Barcelona e Madrid, que incidiam sobre os mais diversos aspectos da cidade; indo desde questões técnicas (como a análise da rua e seus sistemas de infra-estruturas) até questões teóricas e territoriais, (como a ligação das cidades numa grande rede nacional).
O Plano de Extensão (Ensanche) de Barcelona é considerado a principal obra de Ildefons Cerdà. Em 1855 uma comissão da qual Cerdà faz parte, inicia os estudos de um plano de extensão para a cidade.
O principal objectivo do plano foi o de aumentar a área total da cidade, permitindo a sua expansão para além dos limites da antiga muralha, e permitir uma alternativa mais ordenada das ruas e dos quarteirões, em comparação com a "trama" confusa do centro histórico de Barcelona. A contenção da cidade nestes limites (da muralha) havia aumentado grandemente a sua densidade e criado problemas de comunicação com o exterior.

A base do plano é um sistema de vias e quarteirões que poderia estender-se indefinidamente, à medida que a cidade fosse crescendo. Cerdà cria uma hierarquia viária onde as pequenas ruas "desaguam" nas ruas maiores, que por sua vez "desaguam" nas grandes avenidas. Para explicar este conceito hierárquico, Cerdà utiliza a analogia dos pequenos rios desaguando nos rios cada vez maiores e mais largos. Cerdà define claramente desta forma o sistema viário, bem como os quarteirões e os espaços contidos entre as vias. Assim, reforça a noção de que os quarteirões e vias formam uma estrutura única e inter-dependente.

O Plano é hoje conhecido principalmente pela sua representação gráfica com a sua quadrícula característica. Esta, no entanto, é mal compreendida e vista como uma grelha simples, que se estende a partir dos limites da cidade antiga. O plano apresenta um sistema completo que distribui parques, indústria, comércio e residências de forma equilibrada. As avenidas principais formam estruturas que coordenam a expansão dos quarteirões.

Os quarteirões, actualmente estão preenchidos em todos os seus lados, embora tivessem sido idealizados como quarteirões abertos, que permitiam um maior fluxo de pessoas e de ar pela cidade, ou ainda com a possibilidade de serem preenchidos por áreas verdes.

Tão importante quanto os desenhos é, também, o sistema teórico desenvolvido por Cerdà e apresentado na memória da proposta:

 

-A cidade funciona em torno do duplo conceito: movimento e repouso;
-A rua deve fornecer redes de infra-estruturas, permitir o transporte e possibilitar a circulação do ar e iluminação das casas;
-O conceito de hierarquia do sistema viário representa a importância do quarteirão e das próprias vias, na estrutura da cidade;
-O sistema de transportes é um elemento fundamental para o funcionamento da cidade;
-O plano deve possibilitar a expansão ilimitada da cidade;
-Deverá haver uma "ligação" entre a cidade antiga e a nova zona de expansão.

 

Cerdà. Vista aérea de Barcelona. Plano de Cerdà para Barcelona.”

publicado por: Pangea às 23:55
link do post: | adicionar aos favoritos:

.Curiosos

.Horas, Minutos e ... Segundos

.autor:

.- curioso? - procure aqui:

.Agosto 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
26
27
28
29
30
31

.recém-nascidos:

. DUBAI - Cidade Relâmpago ...

. Ouvi dizer que... A inten...

. CHINA - Cidades Instantân...

. As "primas" do mestre-de-...

. As "primas" do mestre-de-...

."torre do tombo":

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

.temas

. ouvi dizer que...(10)

. ... as obras-primas do mestre(5)

. china-cidades instantâneas.(4)

. dubai-cidade relâmpago(4)

. arquitectos da antiguidade(3)

. arquitectos da idade média(1)

. teóricos do urbanismo(1)

. todas as tags

.http://www. ...

RSS
blogs SAPO

. - Jackpot 28 ou... Hit Parade 56.

. ...na hora

.faça chuva ou faça sol ...

Weather Forecast | Weather Maps

.Curiosos desde 9.6.2007